Carta a ela

“Is it getting better, or do you feel the same? Will it make it easier on you now, you got someone to blame...”

Eu sinto a sua falta. Eu não sei como fazer pra não sentir. Eu queria às vezes ser como você. Queria poder me esconder nos rostos de outras mulheres. Queria poder me atirar nos braços de outras pessoas e afogar a minha solidão com essas coisas tão vazias. Eu gostaria de poder me entregar em coisas que eu sei que não vão durar, só pra fugir do meu próprio coração, como você.

Nós ficamos meses longe um do outro, quando eu me afastei. Você apanhou. Você sofreu. Do mesmo jeito que eu estou sofrendo. É isso o que você deseja de mim? Dor? Eu achei que era bom para você, assim como você era tão boa para mim. Você me fez feliz. Eu não sinto que a minha vida dependa de você. Minhas conquistas continuam existindo sem você. Minhas pequenas alegrias ainda existem sem você. Mas eu não as quero assim.

Você não consegue enxergar? Eu me sinto crucificado por um único erro. Eu já pedi perdão por ele, eu já prometi não fazê-lo mais. Por que você foi embora ainda assim? Por que você não confiou em mim? Por que você está fazendo isso conosco? Eu não acredito que você não sinta mais amor. Eu não sei como lidar com todo esse sentimento por você que você tem me obrigado a guardar. Por Deus, mulher, o que eu preciso fazer?

São parágrafos cada vez mais curtos quando penso em você. Mas meu sentimento não perdeu o tamanho ou a intensidade, só se tornou maior, maior e maior. Eu não consigo tirá-la de mim. Não consigo. Eu achei que sabia como era amar alguém. Quando tinha doze anos apaixonei-me por uma moça que não gostava de mim e achava que aquilo era amor. Conheci você e relutei a dar-te meu coração. Tive medo que você fizesse o que está fazendo agora.

Mas eu não tenho mais medo. Não há pecado ou erro em amar. Meu coração se serena toda vez que eu aceito que te amo. E não te amo porque você está distante. Eu te amo porque você esteve comigo. Porque você me tocou. Eu te amo do mais íntimo do meu ser. Eu sonho com você todas as noites. Eu sinto a sua falta todos os dias. Eu quero que você volte. Peço aos céus que seu coração olhe para mim como olhou quando eu lhe entreguei as alianças. Peço a Deus que te toque e que você possa perceber o erro que é tudo isto.

Eu quero poder fazer todas as coisas que não pudemos. Dançar contigo, cantar contigo. Quero poder correr no parque contigo. Quero poder sair à noite contigo. Quero passar uma noite inteira na sua companhia encolhido no sofá. Quero cozinhar para você. Quero ler meus poemas para você. Eu nunca recitei meus poemas para você…

Tudo que eu quero de você é uma única oportunidade para fazer tudo isso… Que você perceba que o que aconteceu não tem de ser definitivo, que você perceba que não precisa ser o fim. Quero que você olhe nos meus olhos. Que você me deixe te envolver em meus braços e se permita sentir tudo aquilo que você tem se esforçado em negar. Eu quero de todo o meu ser. De todas as forças que me fazem viver.

Você não é o ar que eu respiro. Não é a água que eu bebo. Mas eu quero respirar o teu fôlego. Quero sentir o teu sabor. Quero inundar-te do meu amor. Quero fazer-te feliz, como sei que o fiz, muito mais do que fiz. Permita-me, uma única oportunidade, morena. Só lhe peço por isso. Não me humilho por pedir. Não me humilho por seguir meu coração. Não me humilho por não sentir mágoa das terríveis coisas que você me disse. Nem as coisas horríveis que ouvi das pessoas que te amam me machucam.

A única dor que eu sinto é a solidão da tua ausência. O seu cheiro na minha memória. A textura da sua pele toda vez que tomo banho. A ânsia de te encontrar todas as vezes que vejo cabelos cacheados. Eu não quero outras mulheres. Olho-as, admiro-as, desejo-as, mas não as quero. Meu coração não permite que eu me entregue a outro ser senão você. Você é tudo que eu quero. Permita-se uma oportunidade para nós. Permita-se sentir o meu amor, eu lhe peço.

Eu a amo.

11 visualizações

© 2020 por Emmanuel Prado. 12744671606

R. Tabajaras, 1026. Uberlândia, Minas Gerais, Brasil.

A entrega dos livros pode variar de acordo com o endereço solicitado.